A SUA REVISTA POLÍTICA

NEWS

PARTIDO DOS SERVIDORES PÚBLICOS DO BRASIL

Embora a imprensa aparelhada não divulgue, a verdade é que o Partido dos Servidores já conta com mais de 600.000 (seiscentas mil assinaturas) e está bem próximo de ser homologado. Segundo o Presidente Nacional  NILSON DOMINGUES ainda este ano o Partido estará dando entrada no Supremo Tribunal Eleitoral em busca da sua homologação

  • whatsappblack
  • Facebook
  • Twitter
SURGE UM NOVO SEGMENTO POLITICO 

A sociedade brasileira acorda a cada dia em busca dos seus anseios e direitos usurpados pela politica nacional mais preocupada em seus interesses do que na sociedade em si.

Categorias como militares, pensionistas e servidores públicos das três esferas (Federal, Estadual e Municipal) vivem momentos de angústia em um Brasil cada vez mais injusto na repartição de suas vultuosas rendas.

Como explicar que deputados e senadores desfrutem de altíssimos salários sem nenhum estudo ou formação ao passo que profissionais que estudaram a vida inteira para bem servir a nação sejam apenas simples assalariados?

Categorias como os militares que passam a vida inteira se formando para defender a pátria se preciso for bem como, professores, profissionais da área médica (auxiliares de enfermagem) entre outras categorias, que se dedicaram em estudos e formações hoje vivem as portas clamando por quem os ouça sem que ninguém lhes respondam.

Pois bem, está perto de chegar ao fim a busca por oportunidades politicas. O Partido dos Servidores Públicos do Brasil - PSPB, vem em busca de um anseio que atenda as classes de forma justa e honesta com direitos resguardados conforme prescrito constitucionalmente.

SURGE UM NOVO SEGMENTO POLITICO 

Para as pensionistas que já tem o seu próprio grupo e pensam em uma candidatura própria após romperem com as classes associativas dos militares, a oportunidade de um Partido voltado para os seus ideais é uma indicação positiva de união com as outras classes visando fortalecer a homologação de um partido que tanto atenda as classes como um todo bem como, permite que cada uma dessas classes possa trabalhar seus representantes de forma independente.

As pensionistas ainda não se manifestaram ao nosso editorial sobre interesses de fechamento de apoio a um partido em troca de nomes próprios para as eleições.

UM PRESIDENTE ATUANTE
 

O atual presidente nacional do PSPB – PARTIDO DOS SERVIDORES PÚBLICOS DO BRASIL – Nilson Domingues vem recebendo lideranças regionais em reuniões onde tem apresentado os ideais patrióticos e sociais do PSPB.

Um trabalho árduo onde paralelo a atenção dispensada aos líderes políticos de diversas classes sociais, ainda soma o fato da atenção as diversas lideranças nos estados e municípios onde já  há colaboradores no recolhimento de assinaturas nas Fichas de Apoiamento que é o objetivo final para que a homologação partidária tenha a aprovação do Superior Tribunal Eleitoral Brasileiro.

O PRESIDENTE NACIONAL EM REUNIÃO COM LIDERANÇAS RELIGIOSAS EVANGÉLICAS.

CONTRIBUA COM OS SERVIDORES

Imprima uma das fichas ao lado, recorte, assine e envie aos cuidados dos responsáveis ou para o e-mail da revista:

revistabancada@gmail.com

ASSOCIAÇÃO DE MILITARES APOIA PSPB  COMO UMA DAS VOZES DOS MILITARES
 

O Presidente Nacional Ubirajara Rocha, atual presidente em exercício da Associação Brasileira Bancada Militar de Praças - ABBMP, é um dos mais motivados com a possibilidade de criação de um partido que tenha como bandeira os ideais dos servidores públicos federais no qual estão inclusos os militares.

 

Em acordo com o presidente, vários militares tem reclamado dos políticos atuais que apenas se preocupam com os militares em época de eleições, o que vem incomodando a tropa de veteranos que já se cansa de sentir-se usados por interesses eleitorais.

 

Precisamos de representatividade diz um sargento veterano que acredita que com a criação do partido, os militares terão voz e oportunidades de obterem representatividade na esfera federal onde repousa a maioria das leis que regem os militares e que segundo eles precisam ser mudadas e corrigidas. ​